>>


Receba as notícias do mandato por e-mail Cadastro
Cadastro
Ver como é o informativo

E-mail obrigatório.
Digite seu e-mail.


Sair da lista




PRINCIPAL * EDUCAÇÃO SEXUAL

 

FotoEducação sexual com  Zenilce Bruno

Zenilce Vieira Bruno é Pedagoga e Orientadora Educacional, Psicóloga Clínica e Psicodramatista, Especialista em Adolescência, Psicoterapeuta de Adolescente, Casal e Família, Especialista em Sexologia, Terapeuta Sexual e Educadora Sexual, Formação em Neurolinguística, Membro da Sociedade Brasileira de Estudos em Sexualidade Humana, Professora do Curso de Especialização em Adolescência da UFC, Professora do Curso de Especialização em Psicologia da Adolescência da UNIFOR, Consultora, Colaboradora e Colunista dos Meios de Comunicação sobre Adolescência e Sexualidade Humana.

zenilcebruno@uol.com.br

O sexo nosso de cada dia

Postado em 23-11-2011

Particularmente aprendo e enriqueço-me com a escuta clínica, razão porque sou especialmente grata aos meus pacientes. Tenho tido o privilégio de ouvi-los em suas dores e alegrias, acertos e desacertos, face aos projetos que têm de serem felizes. Talvez, por essa experiência de ouví-los, tenha produzido textos com a marca da intimidade.

Trato simplesmente a sexualidade como isso que gira em torno de nós, de mais corporal, mais simbólico e transcendente, viajando via sentidos, exigindo satisfação e querendo expressão. Por isso, contextualizo-a em meio à vida dotada de significação. Insisto que não se perca de vista o encantamento, a paixão e o prazer como as mais belas expressões do ser sexual. São formas de comunicação e comunhão, seguidas de mistério, assombro e tranquilidade. Penso como Bachelard, “Mutilamos a realidade do amor quando a separamos de toda a sua irrealidade”.

As indisposições sexuais que se apresentam em muitas pessoas têm algumas de suas raízes no obscurecer das dimensões que são capazes de humanizar e tornar mais plena a experiência. A embriaguez do culto ao desempenho imposto pelo efêmero, pelo veloz da época faz perder de vista a magia que se esconde no pormenor amoroso. Os gestos simples tornam-se imensos porque estão cheios de promessas encantadas. Mas, o amante desatento não pode percebê-los.

Talvez, tudo isso pareça pouco afinado com as exigências da rapidez dos dias atuais. Sei, porém, que o gozo e o amor não tem pressa. A capacidade de “perder tempo” é condição necessária ao “encontrar o prazer” mais intenso. Algo de ingênuo perpassa o texto e talvez não pudesse ser diferente, pois penso que o que há de criativo e libertador na sexualidade desfaz-se das tramas da eficiência adulta e passa pela porção criança que subsiste em nós, promovendo êxtases indescritíveis e agonias inconsoláveis. A sexualidade é tudo isso e mais além que isso. Ela se situa no corpo, na experiência comum e também no extraordinário, como quem procura um ponto culminante.

O que tento transmitir neste texto já foi dito antes por autores que me antecederam no gosto e no gozo de escrever sobre sexualidade. Rigorosamente nada é novo. No entanto, imagino que esse novo tão desejado acontece dinamicamente, isto é, algo é recriado e desperta no leitor um movimento talvez inesperado, mas numa via de mão dupla: o que foi escrito e a singular decodificação de quem o lê. Nessa interação, é possível a vitória do sentido. É isso que é novo.

Aprendi neste tempo que escrevo no jornal, que terei de satisfazer-me com a resposta silenciosa do leitor em suas reações pessoais com o texto. Resta o imaginário. A certeza que uns se beneficiam, outros criticam, encantam-se, afinam-se ou não com as ideias é imaginária. O contato é estabelecido via escrita e o desejo é a comunhão. Neste sentido, usa-se a palavra não só para ser compreendido, mas também para ser amado por esse leitor desconhecido que, talvez, jamais se chegue a conhecer.

 

Zenilce Vieira Bruno

zenilcebruno@uol.com.br

Psicóloga, sexóloga e pedagoga 


| 1 | 2 | 3 | 4 | 5 |    Próxima | Última página

 


Deputado Estadual Artur Bruno

1998 - 2017. Artur Bruno - Secretário do Meio Ambiente e Sustentabilidade (SEMA)
SEMA - Rua Osvaldo Cruz, 2366.
Cep: 60.125-151 - Dionísio Torres, Fortaleza/CE

Telefones: (85) 3101.1234
Fax: (85) 3101.1234
e-mail: arturbruno@arturbruno.com.br

Site produzido e atualizado pela assessoria de comunicação e TEIA DIGITAL